You are currently viewing Como a ansiedade atrapalha o início de um negócio
Mulher ansiosa com os negócios.

Como a ansiedade atrapalha o início de um negócio

  • Post category:Bem Estar / Geral
  • Reading time:5 mins read

No começo de um novo negócio, principalmente quando você é o empreendedor, é comum que a ansiedade aumente, conforme vai chegando a hora de iniciar os trabalhos.

Somente aqueles que já passaram por essa experiência sabem que é essencial controlar a ansiedade para evitar que ela atrapalhe os negócios.

É importante ter em mente que, mesmo que você tenha feito um planejamento bem estruturado, os imprevistos sempre surgirão.

Também precisamos destacar que muitas vezes nos preocupamos com coisas que nem chegam a acontecer. E esse sinal de alerta acaba desencadeando sintomas físicos, como respiração ofegante, boca seca, aperto no peito, coração acelerado e frio na barriga.

Obviamente que se sentir ansioso, vez ou outra, faz parte. O problema é quando isso se torna algo recorrente e vai afetando a saúde mental.

No caso das mulheres que abrem uma franquia, a nossa dica é pesquisar bastante sobre o negócio, conversar com a franqueadora e tirar todas as dúvidas.

Não há nada melhor contra a ansiedade do que o conhecimento. Sendo assim, quando se tem maior noção da realidade, automaticamente a ansiedade diminui.

O que é ansiedade?

A ansiedade é um sentimento considerado normal e necessário em situações de risco, principalmente quando envolve a tomada de decisões.

Ou seja, é comum um empreendedor se sentir ansioso ao iniciar um novo negócio.

No entanto, é preciso ficar atento ao transtorno de ansiedade, que se caracteriza por uma preocupação excessiva.

As pessoas com crise de ansiedade podem apresentar náuseas, diarréia, elevação da frequência cardíaca, suor excessivo e respiração rápida.

No caso dos negócios, é fundamental ter metas claras na cabeça e não achar que vai ficar rico do dia para a noite. Isso ajuda a minimizar a angústia.

Calcular o valor necessário para a sobrevivência, própria e do negócio, nos meses seguintes à abertura, é outra forma de minimizar a angústia.

Os principais sintomas da ansiedade

Para saber se está sofrendo de transtorno de ansiedade, ou seja, se a sua preocupação pode ser considerada mais grave, é importante prestar atenção nos sintomas.

Entre os sintomas físicos temos:

  • Taquicardia;
  • Dificuldades respiratórias;
  • Suor excessivo;
  • Boca seca;
  • Náuseas ou vômitos;
  • Dor de cabeça;
  • Diarreia;
  • Zumbido nos ouvidos.

Já entre os sintomas psicológicos podemos citar:

  • Medo excessivo;
  • Inquietação;
  • Insônia;
  • Pensamentos negativos;
  • Preocupação com o futuro.

Tratamentos para a ansiedade

Tendo em vista que o diagnóstico de ansiedade é clínico, o tratamento vai depender de como o paciente se encontra.

De modo geral, o psiquiatra pode indicar psicoterapia, cultivo de hábitos saudáveis e em alguns casos, o uso de medicações.

No caso de empreendedores, que precisam lidar com a ansiedade de iniciar algo novo, é fundamental manter o pé no chão, controlando os pensamentos (principalmente os negativos) e sabendo que até mesmo o planejamento realizado pode sair um pouco do esperado.

É preciso viver um dia de cada vez e fazer o que estiver a seu alcance para que tudo dê certo!

Ansiedade empreendedora: o que é e quais os riscos para o seu negócio?

Sabemos que o ato de empreender requer muita cautela e responsabilidade. E a pressão do dia a dia acaba fazendo com que muitos empreendedores acabem ficando ansiosos.

O desejo pelo sucesso do seu negócio e a espera pela aceitação do mercado são alguns pontos que acabam desencadeando esse sentimento.

A ansiedade, quando não controlada, suga grande parte da energia do empreendedor deixando-o em constante estado de alerta.

Com isso, podemos dizer que o empreendedor ansioso apresenta sinais como:

  • Trabalha muitas horas por dia;
  • Acumula funções;
  • Dorme pouco;
  • Não tem tempo para a família e amigos;
  • Não tira férias. 

Consequentemente, essa pessoa passa a ter problemas de saúde, irritabilidade, perda de memória, queda na produtividade, falta de criatividade e desmotivação.

Mas qual a solução para controlar a ansiedade de quem deseja empreender?

A palavra-chave aqui é organização e confiança.

Optar por algo que te dê segurança, como é o caso da franquia da Quinta Valentina, bem como organizar a sua empresa e as suas tarefas é essencial.

Quinta Valentina: invista numa franquia que te dá todo o suporte

A Quinta Valentina é a maior e melhor rede de franquias de sapatos femininos do Brasil.

Contamos com franqueadas espalhadas em várias cidades do Brasil, que atuam de suas casas e levam para as clientes, numa mala personalizada, os calçados e bolsas para que elas possam provar no conforto do seu lar.

É muito fácil se tornar uma Franqueada Quinta Valentina. Não há processo seletivo. Basta realizar o cadastro para consultoria digital. E o melhor, você pode começar investindo apenas R$ 36.000,00.

Os requisitos necessários são:

  • Ser pessoa física maior de 18 anos ou emancipado;
  • Realizar seu cadastro junto à Quinta Valentina com todos seus dados corretos;
  • Aceitar os termos jurídicos que serão requisitados;
  • Comprar um kit inicial;
  • Possuir uma conta para receber o seu pagamento.

Feito isso, você está pronta para vender os nossos produtos na região onde mora ou até mesmo em outras cidades por meio da Franquia Digital Quinta Valentina. Não perca tempo e empreenda sem ansiedade! Entre em contato conosco.